If is not wine, it’s gossip
Escolha o idioma
  • Português
como escolher vinho italiano

Como escolher um Vinho Italiano

Existem na  Itália ao menos 250 000 produtores de vinho.

Destacando, que a Itália, sendo  a maior produtora de vinho ao mundo, com simplesmente 42 milhões de litros produzidos ao ano, é natural  surgir duvida na hora de escolher, quanto a realização e classificação.

Para saber se um vinho italiano é bom e tem qualidade, uma das maneiras de escolher é sabendo triar; e pela etiqueta pode ser uma boa opção para quem está iniciando e não pretende arriscar.

Com tanta produção de origem italiana, é necessario conhecer a classificação de cada vinho produzido aqui, e porque cada um merece tal consideração ao degustar.

A Lei Goria entrou em vigor no ano de 1992, e pretende classificar o vinho italiano em 4 categorias:

Vino da Tavola

O vinho de mesa, não significa que é de baixa qualidade; se enquadra nesta categoria porque simplesmente essa é menos restritiva que as outras classificações, e portanto, se enquadram até ótimos vinhos.

Lembrando que aqui  (e em qualquer parte no mundo) a qualidade do vinho é baseada na escolha estratégica do produtor de suas uvas, regiões e quantidade (e) qualidade de produção.

Já tive oportunidade de provar vinhos de mesa maravilhosos, que são geralmente produzidos em pequenas proporções, e que por classificação é justificado esse vinho.

como escolher vinho italiano

Indicazione Geografica Tipica (IGT)

 Os vinhos desta categoria explicam que a uva utilizadas são de proveniência simplificada, ou seja, que venham feitas com produções tradicionais das correspondentes zonas de produção, vinificadas segundo os costumes, e leais e que sejam constantes o numero de produção por ano.

Denominazione di Origine Controllata (DOC):

são os vinhos de origem controlados, na Italia foram classificados 330. A diferença é que  de zonas mais delimitadas, não possam ser produzidos com uvas destinadas a vinhos IGT, devem ser submetidos a exames químico-físicos e organoléticos em fase de produção. Alem disso podem ser caracterizados da indicação de subzonas ou zonas mais restritas . Podem ser mencionados em qual especifica (classico ou superiore).

Denominazione di Origine Controllata e Garantita(DOCG):

Segundo a revista Quattro Calici, Prevendo uma avaliação mais rígida, a quantidade real é reduzida em total 73 produtores. Desses, merecem atenção a região do Piemonte, com 16 DOCG, seguindo do Veneto de 14, e Toscana 11. Alem de ser submetido por todas as avaliações apresentadas no DOC, o vinho deve ser testado e analisado por uma banca de juízes.

 

Vinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Gossip Wine| Via Dino Compagni, 18 - 36015 Schio - Vicenza (Italia) 
info@gossipwine.com | Tel. +39 333 626 6431